"Ontem chorei, vi nos olhos de uma criança, um olhar sem amanhã."

* Mostrar a realidade

A minha intenção ao colocar estas postagens é de mostrar todos os problemas que envolvem as crianças abandonadas.
Tanto os problemas relacionados ao abandono, como também os traumas, as mentiras, os preconceitos. O que envolve os pais que abandonam, os pais que adotam e os filhos adotivos.
Quando se toma uma decisão de adotar é uma responsabilidade muito grande,pois se trata de um ser humano, e as marcas e recordações ficaram pra vida toda.

Pesquisar este blog

Loading...

quarta-feira, 3 de novembro de 2010

* Adotar ou deixar marginalizado?(Opinião de terceiros)





Vou colocar uma questão no blog que pode contrariar a opinião de muitas pessoas; a adoção de crianças no Brasil. Não fiz nenhuma pesquisa na internet,simplesmente estou escrevendo sobre o que eu percebo nesses anos que vem se arrastando essa polemica situação.

Podem notar que a adoção no Brasil é muito burocrática e lenta, tudo em nome da escolha certa das pessoas que serão os educadores e "familia" dessas crianças, mas vários detalhes são deixados de lado, para mim propositalmente, que é ; a demora faz com que o comércio de compra e venda de crianças aumente proprcionalmente a demora, muitas crianças são deixadas de lado por não serem bonitinhas e fofinhas, alguns dirão que não é nada disso, é porque não setiram afeto pela criança, mas como explicar que essa criança se torne adulto dentro de um local de adoção? Para mim é a escolha que se faz, como se fossem um filhote de animal, nós sempre procuramos os esteticamente bonitos.Não se ve as pessoas adotando uma criança raquitica e sem beleza. Muitos preferem as recém-nascidas, pois essas já serão educadas de acordo com os conceitos da familia que vai adotar, não deixam de ter razão, mas se a adoção é uma opção do coração e setimento da familia, acredito que a idade,cor e educação dessa criança não teria importancia.

Outro ponto é que com a lentidão da justiça brasileira ajuda muito o tráfico de crianças. Há pouco tempo vi na Tv um caso de venda de adoção, intemediado por um escritório de advocacia no Sul do país, aproveitando-se do conhecimento dos entraves da justiça e dos canais dentro dessa mesma justiça que facilitavam a venda de crianças. Então porque não se faz esse tipo de comércio legalmente? Em vez de se pagar em dinheiro as pessoas que fazem adoção poderiam doar materiais para a instituição de adoção, para manter as crianças que talvez fiquem mais tempo. Assim essas crianças que não forem adotadas poderão sair de lá educadas,saudáveis e profissionalizadas, para enfrentar o mercado de trabalho e também poderem encarar as pessoas de cabeça erguida.Para mim essa seria uma solução de grande importancia social, porque todos que fazem a adoção normalmente não contribuem com as outras crianças que ficam para trás, seria também uma forma das crianças verem que não foram excluidas do meio social e sim escolhidas.Acredito também que os sequestros de crianças diminuiriam, que acontece na maioria para o tráfico de crianças para paises da Europa.





Também temos os exemplos negativos de governos e sociedades que criticam famosos que fazem adoções em paises pobres, como é o caso de Angelina Jolie e Brad Pitt, Madonna e outros que causaram menos polemica que esses citados. Isso acontece só porque os paises onde as crianças são adotadas são expostos a midia mundial, e ai entra a politica que nos dá náuseas, nunca o lado humano. Se essas crianças não tivessem sido adotadas por eles, como elas estariam agora. è inegável que isso trouxe mais fama e fortuna a eles, e dai, pelo menos algumas crianças que estavam na pobreza poderão ter uma vida mais digna e um futuro, e as outras que não puderam ser adotadas, como estão? Os governos e pessoas que criticaram estão cuidando dessas crianças e das outras que estão na mesma situação? Acredito que não. Em tempo, na recente tragédia do Haiti esses famosos contribuiram muito mais com dinheiro do que os governos das grandes potencias mundiais, apesar que uma parte desse dinheiro provavelmente foi desviada pelos oportunitas de plantão.


Agora em pesquisa na internet achei uns links interessantes como esse da Adoçao prefere criança branca, uma pela polemica do rascismo disfarçado no Brasil e outra pelos comentários de indignação de muitos leitores leigos como eu. Esse aqui que em parte mostra a burocracia da adoção, Cadastro de adoção reune seis vezes mais interessados do que crianças. Coloquei os links para os leitores terem uma visão diferente e realista do meu ponto de vista pessoal.














Nenhum comentário:

Postar um comentário